Prazer, Encalhada

Defendo os direitos da mulher ser o que ela quiser. E sempre vou defender. Acho completamente insano quem rotula uma mulher por atitudes que ela tem. Acho mais insano as próprias mulheres falarem que se você não agir de tal forma "aceita" pela sociedade, ficará encalhada, não arrumará um príncipe encantado ou um cara que te dê valor.
 
Afinal, qual é a sua concepção de valorizar? Porque pra mim valorizar é me aceitar como sou. Com minhas qualidades e defeitos. E não a Barbie que as pessoas querem que eu seja. Não um protótipo de garota ideal. Não. Ninguém é assim. Todo mundo tem um lado que dificilmente é aceito por todos e eu prefiro deixar o meu escancarado do que ele ser descoberto da pior forma.

Então quer dizer que tenho que andar na linha, me dosar, deixar de ser quem eu sou pra agradar algum cidadão pra não ficar encalhada? Se você pensa assim, sua vida não será nada fácil. Porque gente que pensa assim é alienada, machista, não vive e depende do outro pra ser feliz. Se poda, se regra, nunca sai do casulo. Quem se regra na frente dos outros, é outra quando não tem ninguém por perto. E "mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira", já dizia Renato. Ninguém deve ser assim. 

Sempre preze por ser quem você é! Na aparência, na vida, fora e dentro de casa. Ser a mesma pessoa sempre e nunca deixar de ser você por alguém. Ninguém vale tal sacrifício. E não, não estou aqui falando que você deve falar palavrão, que você deve andar de tal maneira, não! Tô falando que esse é um direito seu, uma opção sua. É um direito seu andar como bem entender, ter o cabelo que bem entender, falar como bem entender.

Você falar palavrão não significa que ficará encalhada. Todas as minhas amigas falam palavrão (eu também), todas são felizes, todas tiveram ou tem relacionamentos bons com caras incríveis. Você ter um cabelo curto não significa que ficará encalhada. Esquece esse trem de que cabelo grande atrai mais atenção de homem. O que atrai a atenção de um cara é o conjunto da obra, é você por inteira e não apenas partes. Não espere por aprovação de ninguém, apenas a sua. Você transar no primeiro encontro, não significa que ficará encalhada. O corpo é seu, a vida é sua e ninguém deve se privar de uma vontade por medo dos pensamentos alheios. Se um cara te julga por conta disso, corra, corra pras colinas e fique bem longe desse indivíduo. Você não se vestir igual uma boneca, não significa que ficará encalhada. Cada um se veste da maneira que bem entender e de acordo com seu objetivo. O importante é você se sentir bem e feliz. 

Caro leitor (a), você não precisa ser alguém que não é apenas para agradar outros. As pessoas devem te conhecer e gostar de você assim, do seu jeitinho. Cada um tem a tampa da sua panela e se a sua ainda não apareceu tenha certeza de que não é por esses motivos acima. É simplesmente porque ainda tá aí, te procurando. E estar sozinho não é humilhante. Quem falou que sinônimo de felicidade é ter alguém do lado? E se você quiser ter vários? E se não quiser ninguém? Vai por mim, não existe regra do que você tem ou não que fazer pra um cara gostar de você. Não existe nenhuma lei também ditando que você precisa disso pra sua vida ter sentido. As pessoas são diferentes, o que me atrai não necessariamente tem que atrair você e vice e versa. E é assim a vida. Respeitar o outro é primordial. Você não gostar da atitude de alguém não quer dizer que esse alguém seja errado, apenas que ele tem opiniões e vontades divergentes das suas.

E outra, quem disse que príncipe encantado é a única opção dessa vida? Às vezes quem te faça feliz seja uma princesa, ou então pode muito bem ser um Don Juan. E, sinceramente, acho o Don bem mais interessante.